Time dos 100 anos da NFL – Defensive Tackles

Continuando a série de textos do time dos 100 da NFL, é hora de falar dos Defensive Tackles. Os caras que geralmente fazem o serviço sujo, mas podem sim ser dominantes.

Bob Lilly

Membro da Hall da Fama, classe de 1980, Bob Lilly foi selecionado pelo Dallas Cowboys em 1961 na NFL, e pelo Dallas Texans (atual Kansas City Chiefs) na segunda rodada do draft do mesmo ano.

Escolheu os Cowboys e fez uma carreira extremamente marcante, nunca tendo perdido uma partida nas 14 temporadas que atuou pela equipe. Membro do time da Década de 1960, Lilly também foi 7 vezes nomeado para o primeiro time All Pro (anos de 64-69 e 1971), além de ter ido 11 vezes ao Pro Bowl. Faz parte do time dos 75 anos da NFL e foi vencedor do Super Bowl VI, onde fez uma das suas jogadas mais marcantes, um sack de 29 jardas em Bob Griese, dos Dolphins.

Joe “Mean” Greene

Membro do Steelers entre os anos de 1969 e 1981, Joe Greene é considerado um dos maiores jogadores da história da equipe, tendo sido 4 vezes campeão e 4 vezes primeiro time All-Pro. Foi também por três vezes o jogador defensivo do ano, nos anos de 1969 (neste caso como novato defensivo do ano), 1972 e 1974. Foi eleito para o Hall da Fama em 1987 e faz parte do time dos 75 anos da NFL. Seu número não oficial de sacks é 78,5 e também 16 fumbles recuperados. É um dos maiores atletas que este esporte já viu.

Alan Page

Alan Page atuou entre 1967 a 1978 nos Vikings e entre 1978 e 1981 pelos Bears. Dois rivais. Foi campeão uma vez da NFL e não só isso, foi eleito MVP da liga em 1971 (e jogador defensivo do ano). Faz parte do time da década de 1970 e além disso, foi 6 vezes primeiro time All-Pro (1969, 1970, 1971, 1973, 1974 e 1975) e liderou a liga em safeties em duas oportunidades, em 1971 e 1980. Recuperou absurdos 7 fumbles no ano de 1970. O fato desta época não ter uma soma de sacks dificulta em saber o número exato, mas é sabido que em seis temporadas teve mais de 10 sacks. O que é absurdo. Gênio. É membro do hall da fama, classe de 1988.

Por fim, Randy White

Confesso que pensei em colocar Merlin Olsen, também pensei em Warren Sapp, mas resolvi prestigiar o velho Randy White, dos Cowboys, que esteve em 9 Pro Bowls, e por 7 vezes foi primeiro time All-Pro. Faz parte do time da década de 1980 e foi MVP do Super Bowl 1977. Foi nomeado para o Hall da Fama em 1994 e atuou por 14 temporadas pelo time de Dallas, onde acumulou 165 partidas como titular.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *